Em cartaz: Homem Aranha - Longe de Casa [Resenha dupla]

Homem Aranha: Longe de Casa
Data de lançamento: 4 de julho de 2019 

Duração: 2h 10min
Direção: Jon Watts
Elenco: Tom Holland, Jake Gyllenhaal, Zendaya

Gêneros: Ação, Aventura
Nacionalidade: EUA


Tom Holand definitivamente conquistou a todos na pele do Aranha. E Homem Aranha: Longe de Casa é o primeiro filme após Vingadores Ultimato e eu (Isabela) estava curiosa para saber como o vingador mais teen do grupo lidou com tudo o que aconteceu no último longa. Além disso, o filme nos explica melhor o que aconteceu com as pessoas que desapareceram no estalar de dedos de Thanos. Eu (Priscila) também estava animada para assistir a esse filme. De certa forma, sentia que ele era o último vestígio de tudo que foi encerrado no último Vingadores e bate aquela sensação de nostalgia, já que não sei muito o que esperar desse próximo arco.

Tudo o que Peter deseja é se afastar um pouco de casa e da atmosfera de tristeza em que ele está imerso após a batalha final contra Thanos. Até porque parece que tudo e todos fazem com que ele se lembre do que aconteceu, principalmente com Tony Stark. Então, ele fica super empolgado com a oportunidade de realizar uma visita escolar à Europa. Queria tanto que as escolas aqui do Brasil fizessem isso hahaha #SeriaUmSonho Férias, é exatamente do que ele precisa. E ele já está planejando cada passeio, bem como o momento em que finalmente irá  se declarar para MJ. <3 Porém, nem todos parecem entender essa necessidade do jovem herói e Nick Fury o encontra na Europa e pede a sua ajuda para enfrentar mais uma ameaça contra a humanidade. Porém, Peter ainda se sente um tanto despreparado para atuar como um vingador, e menos ainda para se tornar o "próximo Tony Stark". É muita pressão para uma pessoa tão jovem também, quererem que você se torne alguém como o seu ídolo. Tudo o que ele queria era poder curtir sua adolescência, terminar o ensino médio e namorar MJ. É pedir demais?


Confesso que já estou ficando um pouco cansada dessa história de "ei si i imigi di vizinhinçi, ni quiri mi tirnir im vingidir." 😒 Se no primeiro filme essa pareceu ter sido uma atitude madura do Peter, em enxergar as suas limitações, agora ela nos parece uma desculpa para ele não assumir suas responsabilidades como herói. Assim, eu também fiquei um pouco impaciente com essa insistência dele em não querer ser um Vingador, o que faz com que cometa várias burradas, mas consigo entender. Ele é muito novo, só quer conseguir aproveitar um pouco a vida sem tanta pressão, e ainda não se sente preparado para enfrentar qualquer coisa que vier pela frente.  Mas, nesse longa, foi possível enxergar o crescimento do personagem tanto como herói, quanto como pessoa. O filme é divertido, e os amigos de Peter também nos conquistam com seu carisma. Além disso, há ainda alguns dramas adolescentes que movimentam a história, como o romance de Ned, o melhor amigo de Peter, e a competição que Peter encontra para conquistar MJ. Em boa parte do filme, pareceu mais que eu estava assistindo uma comédia romântica adolescente do que um filme de heróis da Marvel. hahaha Pode ser que isso faça com que alguns fãs critiquem o longa, mas eu achei ótimo. Sem dúvida foi um dos filmes mais leves que já fizeram, ele tem um nível de descontração diferente dos outros com heróis adultos. E é bem legal ver um herói em crescimento. Espero que ainda tenham muitas aparições do homem-aranha nesse universo.

O longa possui duas cenas pós-créditos e são cenas importantes, fique para ver. Sim! 👍 Confesso que não gostei muito da primeira (mas por que isso? kkk) achei meio forçada,  mas a segunda responde à uma teoria bem popular feita após Vingadores: Ultimato. O filme termina com a sensação de que ainda vem muita história por aí, inclusive nos deixa esperando por um terceiro filme do Aranha. A sinopse nos promete um multiverso, o que achei bem curioso considerando o fato de que faz pouco tempo que foi lançada uma animação sobre ele, o Aranhaverso. Sim, mas também ouvi dizer que o próximo filme do Dr. Estranho irá explorar esse multiverso... Então só aguardando para sabermos o que estão preparando. Ambas as cenas pós-crédito nos deixam meio impactados e aguardando ansiosamente pelo desenrolar do universo Marvel como um todo... O filme é repleto de cenas que nos lembram do Dr. Estranho, com muitos efeitos especiais. Estavam ótimos! Eu também fiz essa associação e fiquei imaginando que assistir em 3D teria sido bem interessante.

Importante: se você ainda não assistiu ao quarto filme dos vingadores, não assista Homem-Aranha: Longe de Casa, ou terá grandes spoilers.

Trailer:



Veja também:
logoblog

Nenhum comentário:

Postar um comentário