Livros *----* Prometida

Título: Prometida
Série: Perdida #4

Autora: Carina Rissi
Páginas: 476
Editora: Verus
Avaliação: 5/5


Já tem bastante tempo que li Perdida e Encontrada. E, quando começaram a falar sobre o lançamento de Destinado, ouvi dizer que o livro traria a visão de Ian a respeito dos fatos que aconteceram nos primeiros livros da saga, então decidi deixar a leitura dele para depois e iniciei a leitura de Prometida sem ter lido o terceiro volume da série. Mas, essa não foi uma escolha muito acertada... Quando comecei a ler Prometida me senti um tanto desnorteada, não sabia se havia algo que eu deveria me lembrar, porque o livro já começa com um conflito entre Elisa e Lucas, os protagonistas. Foi quando finalmente resolvi ler a sinopse de Destinado percebi que era ali que estava meu erro. 😞 Mas, com o decorrer da leitura, felizmente a Carina me deixou a par de todos os acontecimentos da turbulenta vida amorosa desse casal e consegui entender o que havia acontecido no livro anterior.  

"Não pude evitar sorrir. Ele me dava o presente mais bonito de todos. Creio que o amor seja feito disto: liberdade. Todos os dias ter diante de si inúmeras alternativas, mas acabar fazendo sempre a mesma escolha. E eu o escolhia. Escolhi no passado, escolhia agora e escolheria no futuro."

Elisa está noiva desde que beijou Lucas no seu aniversário e eles foram pegos de surpresa por Ian e o restante da festa. Obviamente, ele a pediu em casamento mas tudo foi bem inesperado e eles não tiveram nenhuma oportunidade de conversar sobre isso já que a governanta de Elisa era uma presença constante em cada visita do rapaz. Além disso, ela acabou indo parar no futuro após tocar no celular de Sofia e ficou sumida durante uma semana. Tudo isso acabou por abalar o relacionamento dos dois e, por fim, ela decidiu inventar uma mentira para o amado. Afinal, não poderia lhe contar a respeito de Sofia sem coloca-la em perigo e Lucas exigia uma explicação. Infelizmente, ele acreditou fácil demais que ela havia fugido com outro. Mas, diferente do que ela pensava, não quis romper o noivado numa tentativa de fazê-la sofrer da mesma maneira como ela tinha feito com ele.

"— Desde que a conheci, eu sinto o mundo com muita intensidade. Você me faz sentir o mais sortudo dos homens ou o mais miserável deles. Extremamente vivo ou excepcionalmente ferido. Contentíssimo ou imensamente infeliz. Desde você, tudo é superlativo."

Mas, Lucas precisa se ausentar para prosseguir com seus estudos e se tornar um médico como sempre sonhou. Elisa só não imaginava que isso iria demorar três anos. Quando ele retorna para a vila, lhe diz que deve providenciar os preparativos do casamento, uma vez que já se estabilizou financeiramente. Porém, o homem que ela reencontra não é o mesmo que viu partir. Algo parecia estar quebrado dentro dele, e, ela se sente terrivelmente responsável pela frieza e distanciamento com que se depara ao encontrá-lo. Elisa sempre foi uma menina doce, obediente e bem educada. Muitos poderiam acha-la um tanto sem graça até. Mas, então sua vida vira de cabeça para baixo. Tudo graças a uma viagem no tempo, uma mentira e um monte de desentendimentos. Convenhamos, uma viagem no tempo não é algo tão simples de se explicar, ainda mais no século XIX, mas talvez valesse a pena a tentativa, considerado a confusão que isso causou.

"Não é preciso ser um herói ou uma heroína e salvar o mundo todo. Basta mudar o mundo de alguém."

Li o livro rapidamente, essa é uma daquelas leituras gostosas em que você não quer largar até terminar. A escrita da Carina é maravilhosa, não tenho do que reclamar quanto a isso. Os personagens são bem desenvolvidos apesar de as vezes me irritarem com sua falta de maturidade, em especial o Lucas. Mas, entendo que isso foi o maior catalisador de conflitos e o que deixou a história mais empolgante. Fazia tempo que não lia um livro de época e deu para matar a saudade do gênero, até porque Elisa não é como Sofia, ela realmente é uma mulher criada e educada no século XIX. E, apesar de ter sido influenciada pela cunhada, tem entranhado dentro de si os costumes da sua época devido a sua vida e cultura. Porém, se teve um personagem que me conquistou nesse livro foi Samuel, ele é um amorzinho e sua participação só veio a somar.

Já estou animada para ler Desencantada, que contará a história de Valentina, porque a Carina realmente a deixou em uma situação bastante ruim em Prometida. Mas, antes disso, pretendo ler Destinado porque essa é uma série que deve ser lida na ordem cronológica dos lançamentos. 😂

"— Não seja tão precipitada em julgar a capacidade de alguém por sua dificuldade, senhora. A inteligência não se mede pela rapidez com que se aprende, mas pela astúcia em driblar as dificuldades do aprendizado. Ou na maneira de encontrar novas formas de ensinar."
Leia Também:
logoblog