Cheiro de livro novo: O Canto do Cisne

Título: O Canto do Cisne
Autora: Bianca Sousa
Páginas: 200
Editora: Amazon (publicação independente)

Esse é o mais novo livro da nossa querida parceira Bianca Sousa, que eu já tinha vindo divulgar por aqui quando foi lançado (veja aqui). 

Eu já li Eterna: O Som do Amor (resenha aqui), o outro livro dela, e gostei demais da escrita leve e divertida, que com esse livro pude notar ser uma marca da autora. A leitura flui de uma forma surpreendentemente rápida e só demorei tanto para ler porque ando meio enrolada com as coisas da faculdade.
"– Quem não sonha com a liberdade?
Odette encarou-o vitoriosa. Sabia que, contra aquilo, ninguém tinha palavra. Cada um vive em uma prisão, seja social, moral ou interna."

Essa história é sobre Elena, uma atriz que sonha estrelar um grande espetáculo. Seu desejo no momento é conseguir protagonizar uma ópera rock, que será a releitura do ballet O Lago dos Cisnes. Ela deverá cantar, dançar e atuar, dando o melhor de si para conseguir essa vaga. Apesar de ser bastante dramática, é uma mulher muito talentosa e focada, e sabe que suas chances são altas. Além disso, conta com o apoio integral de sua melhor amiga Lúcia, uma ruivinha bem-humorada e sortuda, estudante de veterinária, com quem divide um apartamento.
“A sorte só acontece quando a preparação e a oportunidade se encontram”
Ao ser escolhida para protagonizar a princesa Odette, o cisne branco, sente-se realizada. Mas tanta felicidade provocou a inveja de Aline, uma de suas concorrentes, que foi selecionada para interpretar Odile, o cisne negro. Apesar de contar com a admiração de Angelique e Manolo, jurados e diretores da apresentação, Elena também despertou a antipatia de Ronald, o terceiro jurado, aparentemente sem motivo.
"Amor é a única coisa imune a magia."
Aline, insatisfeita em ser antagonista do espetáculo, é capaz de qualquer coisa para tornar-se protagonista e possui uma inesperada carta na manga. Sem se importar com as consequências, faz com que Elena sofra a mesma maldição que a personagem que interpreta: ao nascer do sol, transforma-se em um lindo cisne branco, e assim fica até à noite, quando torna-se humana novamente. Essa maldição só pode ser quebrada caso encontre o amor verdadeiro.
"– Eu sempre quis viver um conto de fadas e, de repente, estou estrelando um e, ao mesmo tempo, vivendo um.
– E isso é bom?
– Depende. Se tiver final feliz, sim."
Para Odille, encontrar o amor verdadeiro não foi tão difícil, já que o Príncipe Siegfried se apaixonou por ela assim que a viu. Mas o histórico de romances de Elena não é favorável, então encontrá-lo de uma hora para outra parece bem improvável. Sua maior esperança é que seja Samuel, o gatíssimo ator selecionado para interpretar o Príncipe, com quem houve uma atração inegável. Mas parece que Aline já estava correndo atrás dele, e ela, como cisne, não pode nem aparecer nos ensaios, correndo o risco de perder o papel que lutou tanto para conseguir...
"– Eu estou apaixonada por ele, Lu. E acho que ele também está por mim. Mas será isso o suficiente para quebrar uma maldição? Será que é um fardo que ele tem de carregar? Quer dizer, eu acabei de conhecer ele! Como saber se é o amor da minha vida? Eu mal o conheço!"
Mas Lúcia, sempre otimista, não perde as esperanças de que tudo pode terminar bem. Juntas, elas se metem em várias confusões, enquanto tentam descobrir uma forma de acabar com essa maldição antes que seja tarde demais e o cisne cante seu mais esplêndido e último canto, antes de morrer.
"– O amor pode vir de muitas formas, e uma delas é a amizade."
Como eu já disse, a escrita da Bianca é muito leve e descontraída, o que deixa a história sempre com um tom bem-humorado, mesmo quando a situação está ficando séria. A leitura é muito gostosa e, mesmo com a ligeira ressaca literária que ainda estava sofrendo, consegui pegar o ritmo da história logo nos primeiros capítulos. E não preciso nem falar dessa capa, né? Linda demais!
A narração não é apenas pelo ponto de vista da Elena (até porque, como cisne, fica um pouco difícil narrar alguma coisa...). Dependendo do que está acontecendo no momento, a visão muda para Lúcia, Samuel, Aline, etc. Achei isso muito bom, porque também podemos conhecê-los um pouquinho melhor.
É um conto de fadas moderno, então em alguns momentos achei um pouquinho clichê, principalmente na questão do amor à primeira vista dos personagens, que é uma coisa que eu acho bem difícil de engolir em qualquer história. Mas, num conto de fadas, eu perdoo isso. rsrs Mesmo assim, a história conseguiu me deixar cheia de expectativas sobre o que aconteceria e o final me surpreendeu bastante. Gostei! =D
Também gostei muito dos personagens, principalmente da Lúcia (e não só porque ela estuda veterinária como eu). A amizade entre ela e Elena é tão bonita! *-* Acho que ela merecia uma história só dela (e do Joaquim)! haha Adorei a participação super especial de Angelique, que é personagem de Eterna, e acho que ela realmente merecia aparecer de novo, mas me deixou com uma saudadezinha dos outros personagens do livro.
Por fim, a única coisa que não gostei foi que o livro é muito curtinho... Queria mais! rsrs Acho que as coisas foram acontecendo muito rápido e aí... acabou! Podia ter sido mais devagar, mais detalhado, não sei, mas queria ter tido mais tempo com os personagens. Quem sabe não vem por aí um spin-off como o de EternaEternamente Sua? Vou ficar na torcida! xD



Aproveitem que os leitores do blog estão ganhando desconto nas obras da Bianca! Basta acessar a livraria da autora (clicando aqui) e, após finalizar a compra, usar o código abaixo. E os livros físicos estão com frete grátis e ainda vêm autografados! Vão perder?


Para saber mais sobre a obra e os personagens, clique aqui.


Conheça mais sobre a autora:


logoblog