Parceria com Autor #17 Rennan Andrade

Boa tarde!! Hoje venho anunciar a parceria do Sigo Lendo com mais um autor nacional. É maravilhoso ver como a nossa literatura tem crescido e quantos livros bons estão no mercado nacional. Em breve traremos nossas impressões sobre o trabalho de Rennan Andrade, mas enquanto isso, convido vocês a conhecerem um pouco mais desse autor e das suas obras.

Sobre o autor:
Meu nome é Rennan Andrade, tenho dezesseis anos e moro em Embu das Artes, São Paulo, com meus pais, minha irmã, meus tios, minha avó – que carinhosamente chamo de mãe – e quatro cachorros, tendo um grande amor por animais. Escrevo desde que tinha doze anos e sempre tive um grande amor pela literatura, tendo lido diversos quadrinhos quando era criança e partindo para os romances e dramas aos doze. Comecei escrevendo fanfics no Nyah! Fanfiction e, ainda naquela época, comecei a escrever aquele que viria se tornar o meu primeiro livro: A Luz de Cada Mundo, uma história sobre dois jovens portadores da magia pura que vão para mundos desconhecidos para cumprir uma tradição milenar.
Meus autores favoritos são Nicholas Sparks, Agatha Christie e Gayle Forman, embora nos últimos anos tenha lido muito literatura nacional. Gosto de videogames, teatro, cinema – principalmente drama e terror – e tenho grande interesse por RPG, tatuagens, arte gótica e música pop. Atualmente, estou escrevendo para minha primeira antologia de contos, com previsão de lançamento para novembro.


A Luz de Cada Mundo
Data de Publicação: 27 de julho de 2015
385 paginas
Sinopse: Starlight City é uma pequena cidade de tempo nublado onde reside Ryze Hope, um garoto de dezesseis anos sério, frio, rebelde e sem grandes ambições para sua vida, já que não espera viver muito e encontra-se vivendo "só de passagem". Depois da morte de seus pais, Ryze anda pelas ruas sem objetivos, até a chegada de Chloe Lights, uma moça gentil, alegre e amigável; o extremo oposto de Ryze, e que tenta virar amiga dele a partir do primeiro momento em que eles se encontram.
Ryze tenta evitar conversas com Chloe, mas logo percebe que algo estranho acontece quando seu colar, peça que usa desde o nascimento, começa a brilhar somente quando está perto da garota. Ambos então descobrem que eles nasceram no mesmo dia e pelas mãos do mesmo médico: Buddy K. Holmes, que logo se revela ser o guardião mágico dos dois.
Buddy revela à Ryze e Chloe que ambos são portadores da magia, possuindo a missão de salvar os diversos mundos além de Starlight City dos representantes de Ronan, o imperador da magia negra, além de restaurar a fé dos representantes da luz, habitantes dos mundos que guardam a luz dentro de si. Para isso, eles terão que usar magia, mas só poderão usá-la quando estiverem usando seus amuletos mágicos (no caso de Ryze, um colar, e no de Chloe, uma pulseira) e quando estiverem um perto do outro.
A Luz de Cada Mundo é um livro de fantasia contemporânea, com influências de RPG, drama e romance, criado para entreter, mas também para refletir sobre o amadurecimento dos jovens e sobre a vida em si.


Armadura de Ferro
Data de Publicação: 22 de novembro de 2015
4 paginas
Sinopse: Alex Soares é um jovem de dezessete anos morreu em plena a ceia natalina; agora, o seu melhor amigo deve refletir sobre o ocorrido, ao mesmo tempo em que tenta encontrar a paz do marcante fato um ano após o ocorrido.
Um conto não só para se lembrar do quão difícil é dizer adeus, mas também de como nada pode apagar o passado. Como a vida de um adolescente pode mudar com a morte de seu melhor amigo?


Imperfeição
Data de Publicação: 19 de março de 2016
7 paginas
Sinopse: Talvez nossas imperfeições sejam o motivo para que nós, humanos, sejamos tão perfeitos. Porque não importa o quanto a pessoa que a gente ame diga que somos perfeitos e o quanto isso nos faça sentir especiais. Todos sabemos que, lá no fundo, por mais que o outro queira, isso nunca é verdade.
A única verdade, nessas situações, é o amor. Um amor que é capaz de cegar de uma maneira tão forte que acabamos por nos apaixonar, não só pelo que há de bom na pessoa amada, mas também por suas imperfeições.
Arthur é imperfeito de seu próprio modo: é antissocial, calado, e vive num mundo que parece ser apenas dele. Apesar disso, eu não acho que eu o teria amado tanto caso ele fosse melhor que isso. No começo, o tempo estava ao meu favor; no fim, nem tanto...
Essa foi minha vida junto a Arthur... — Jéssica Mendes.