Semana Especial 10% - Dia #3





Boa tarde, galera! Eu e Isabela dividimos a leitura da antologia 10% e hoje é a minha vez de trazer a resenha de dois contos que li: Deuses Humanos e Watson. 😉


Deuses Humanos

Um certo dia, toda a população da Terra tem uma grande surpresa com as palavras "cansei" aparecendo enormes nas nuvens, em todo o mundo. Também há o surgimento de uma estranha esfera negra no meio do deserto do Saara, e correm boatos de que se tocá-la e desejar algo, instantaneamente se tornará realidade. É um poder ilimitado e pouquíssimas pessoas conseguirão chegar perto desse milagre divino. O que acontecerá com os seres humanos ao terem acesso à capacidade inimaginável de um deus?

"(...) as nuvens tinham adquirido uma forma diferente do normal, continuavam brancas mas por algum motivo elas tinham formado gigantescas palavras. Na verdade era a mesma palavra mas repetida em centenas de línguas diferentes, elas ficaram principalmente sobre as maiores cidades do mundo. E todas diziam exatamente a mesma coisa: CANSEI"

Esse foi o primeiro conto que eu li e fiquei empolgada com a premissa dele, apesar de saber que coisa boa não sairia de uma situação como essa. Esse enredo traz uma crítica bem forte aos seres humanos como um todo. Sim, nós somos idiotas. Sim, somos egoístas, só pensamos em nós mesmos e em encontrar uma forma de nos sobressairmos entre todos. E sim, queremos que todas as outras pessoas aceitem que nossa forma de pensar é a correta. Nesse conto, vemos um pouco de política, de religião, de cultura. Ele é bem curto, mas poucas palavras bastam para enxergarmos como podemos ser seres decepcionantes.

Watson



Watson é um sistema criado manter a sociedade estável e perfeita. Desde sua criação, tem controlado a população humana e assim as funções de todos são bem delimitadas e a criminalidade é praticamente zero.
Clara é uma jovem que acabou de realizar o exame cuja nota define as opções de carreira que uma pessoa pode ter. Ela opta por tornar-se chefe de polícia, uma área um tanto incomum, levando em conta que a polícia não é muito solicitada na sua realidade. Mas Clara nem imagina o difícil trabalho que terá pela frente. 
Alguma coisa está saindo do controle do Watson. Algo que ninguém consegue explicar, mas que está matando pessoas e as transformando em criaturas horrendas e descontroladas. Clara e o agente Rodrigues terão muito o que investigar se quiserem solucinar esse caso.

"O sistema Watson foi criado para proteger e elevar o patamar da humanidade a um outro nível nunca visto antes, como vocês mesmos sabem muito bem."

Achei esse conto bem curioso, foi uma leitura que me prendeu. O formato investigativo me deixou instigada para saber o que de fato estava acontecendo naquele lugar. Watson é um sistema a prova de erros e é interessante pensar no que ele estava fazendo de bom pela sociedade. Mas, ao mesmo tempo, ele leva àqueles questionamentos sobre inteligência artificial. Fiquei me perguntando se era assim tão bom deixar tanto poder nas mãos de um só ser, um ser criado artificialmente, se isso não poderia trazer algum risco para a sociedade... Mas o final me surpreendeu bastante, foi uma coisa que eu não imaginava. Então gostei do conto, apesar de sentir que queria mais explicações sobre tudo.

Compre o e-book de Watson na Amazon
logoblog