Cinema em Casa: Chamada de Emergência

Chamada de Emergência
Data de lançamento: 12 de abril de 2013

Duração: 1h 35min
Direção: Brad Anderson
Elenco: Halle Berry, Abigail Breslin, Morris Chestnut
Gêneros Suspense, Ação
Nacionalidade EUA



Escolher um filme no Netflix não é uma tarefa muito simples, não é mesmo? Você já sabe que vai perder pelo menos meia hora fazendo isso toda vez que quiser fazer uma sessão pipoca. Então, nem preciso dizer o quanto gostei quando algumas amigas me passaram uma lista de filmes de suspense que elas já tinham assistido no Netflix e gostado. Chamada de Emergência foi um desses. 

Jordan trabalha atendendo ligações de emergências do 911 nos EUA (seria o nosso 190 aqui no Brasil). Ela identifica o problema, auxilia a pessoa que está do outro lado do telefone e encaminha ajuda, que pode ser a mais diversa possível, como uma ambulância, a Policia, o corpo de bombeiros, entre outros. E, ela é muito boa no que faz. Entretanto, esse é um trabalho muito estressante e após perder uma menina em um chamado, ela se sente terrivelmente culpada e não consegue retornar a tarefa, passando então a auxiliar os novos atendentes.



Porém, uma novata fica apavorada diante de um caso de sequestro. Ela recebe um chamado de uma garota de dentro de uma mala automotiva e simplesmente não sabe como auxiliá-la. Isso acaba fazendo com que Jordan assuma o caso e ela se vê com a tarefa impossível de localizar um telefone pré-pago e enviar ajuda antes que Casey se torne mais uma vitima nas estatísticas criminais, assim como Leah, a garota que ela perdeu e que a afastou do serviço de telefonista. 

Ultimamente tenho assistido bastante filmes de suspense e Chamada de Emergência não me decepcionou. O curioso é que durante a maior parte do filme Casey está dentro da mala de um carro mas, mesmo assim, o filme não se torna monótono, pelo contrário, a tensão é palpável. E só nos resta torcer para que tudo dê certo para as protagonistas. O maior problema é que Casey não sabe onde está e o telefone que ela está utilizando não pode ser rastreado, de forma que Jordan não consegue enviar ajuda. Então ela começa a bolar diversas estrategias para chamar a atenção das pessoas na rua, bem como questionar Casey sobre o carro e o seu algoz.


O filme é um pouco mentiroso, é claro, mas é muito inteligente. O desfecho também deu o que pensar e eu e meu namorado ficamos discutindo sobre as suas consequências e se concordamos ou não com as atitudes tomadas pelos personagens. Se você curte um bom thriller carregado suspense e com vilões doentios, essa certamente será uma boa pedida.

logoblog