Livros *----* Correr ou Morrer- Maze Runner #1

Correr ou MorrerTítulo:Correr ou Morrer. 
Série: Maze Runeer #1. 
Autor: James Dashner. 
Páginas: 426. 
Editora:Vergara & Riba. 

Vi o filme desse livro à uns dias e fiquei boba, adorei a produção, simplesmente tinha que ler o livro e assim comecei a leitura, mas logo reparei que o livro é muito diferente do filme.

Thomas chega na clareira por uma espécie de elevador e a única coisa de que ele se lembra é do seu nome. Logo que chega à superfície ele se depara com diversos garotos, e descobre que a cada mês um novo garoto é enviado misteriosamente. Cheio de dúvidas, começa a questionar tudo e todos sobre o lugar onde está e quem o enviou para lá, mas a verdade é que nenhum dos meninos sabe como responder nenhumas dessas questões.

A única coisa que eles sabem é que estão em uma clareira, cercados por um grande e perigoso labirinto. Todas as noites as portas do labirinto se fecham, mantendo-os seguros desses perigos e se abrem ao amanhecer. Periodicamente, chegam provisões pelo elevador, então eles aprenderam a se organizar e a gerenciar essas provisões, além de manterem uma equipe que explora o labirinto incansavelmente todos os dias em busca de uma saída, mas o labirinto muda a cada noite, tornando essa tarefa um tanto quanto impossível. Logo, Thomas percebe que quer ser um corredor, mas para isso precisa conquistar a confiança dos "clareiros"(habitantes da Clareira), para ser indicado a esse cargo.

Mas, desde que Thomas aparece coisas estranhas começam a acontecer, logo no dia seguinte aparece uma garota no elevador, que durante dois anos só enviou garotos e em sua mão havia um bilhete mais estranho ainda: "Ela é a última. Tudo vai mudar". Depois disso, as provisões param de chegar e isso é só o começo...

"Os sujeitos finalmente se lembraram e compreendem a finalidade das coisas terríveis que nós temos feito ou que pretendemos fazer. A Missão de malvado é servir e preservar a humanidade, não importa o custo. Somos, de fato, - bons"

Gostei do livro, achei muito criativo, me amarro em distopias, mas fiquei o tempo todo comparando o livro com o filme e definitivamente gostei mais do filme. O livro tem uma linguagem um pouco infantil, com umas gírias bem bobinhas e achei o começo bastante lento. Thomas parece uma criança de 4 anos de idade, perguntando o tempo todo e ninguém quer responder o pobre coitado, é frustrante. Tiveram algumas explicações que eu também não engoli muito bem, sei lá, provavelmente será melhor explicado nos próximos volumes, espero... E senti que estava recorrendo ao filme para imaginar algumas cenas...

A verdade é que estava esperando muito mais do livro, certamente lerei a sequência, dessa vez antes de ver o filme, mas já não estou tããão animada. O livro termina bem no estilo "Cadê o próximo livro? Ainda bem que já lançou!", mas não lerei com tantas expectativas. É isso, em breve farei um Filmexlivro para mais considerações. ;) #FicaaDica.
logoblog