Livros *----* Para Sempre


People, tenho sentido a falta dos comentários, estamos com #TopComentarista e todos os posts desse mês estão participando, não se esqueçam que os comentários são o que valem mais pontos! ;)

Para Sempre. Autora: Glaucia Santos. Páginas: 358. Editora: Baraúna. Era para esse livro ter feito parte do Desafio de Férias: #EuLeioNacionais, mas Réquiem acabou furando a fila e no final, não consegui de lê-lo a tempo. Mas, li mesmo assim e gostei muito.

Justin e Elizabeth se conhecem quando crianças e logo nasce uma bela e sincera amizade, assim eles vão crescendo, cada dia mais próximos. Não demora muito para a amizade não ser mais suficiente para eles e então começam a namorar. Mas de pois de quase dois anos de namoro, os pais de Justin resolvem se mudar, e ele teve de ir junto, pois só tinha quatorze anos. Eles trocam juras de amor eterno se separam com a promessa de se reencontrarem. 

"— Fé é algo que você não pode ver ou tocar. — Ele levou uma das mãos ao meu peito e a pousou ali. — É algo que você sente aqui. Você  acredita  e  tem  esperança.  Sem  fé  as  pessoas  não  conseguem persistir, porque não acreditam que vai dar certo. Só tenha fé em seu coração e acredite."

Mas a vida não é fácil, pouco depois eles perdem contato, as cartas de Liza retornam e Justin já não lhe envia mais nenhuma. Ela vive com a mãe amargurada que está sempre a deixando para baixo, com suas palavras duras e um pai bêbado, mas se segura na esperança e na fé de seu amor. Assim ela vive, estuda e trabalha com muito afinco, conquista uma vaga numa universidade renomada e depois de dez anos, eles se reencontram. Porém Justin tem uma namorada, Melissa, que não está nenhum pouco feliz com isso e fará de tudo para não perdê-lo, mesmo que saiba que Justin já não nutre nenhum sentimento por ela. 

"Se as pessoas soubessem o poder de um beijo, beijariam todos os dias. O problema com os casais é que com o tempo param de beijar e a coisa esfria."

Elizabeth narra a história quando está começando sua velhice e desde o inicio já sabemos que eles ficaram juntos no final da jornada. Então ela vai contado o que aconteceu com a sua vida, através de lembranças que ela registrou, ou de memórias que surgem em sua mente ao mesmo tempo qque conta um pouco do presente que está vivendo com Justin e a sua família. Vez ou outra ela acaba deixando escapar algo que ainda não contou e estragando algumas surpresas, mas nada que deixe o livro menos interessante. 

"Aprendi uma grande lição naquele momento. Você tem que amar, perdoar e ser perdoado quando ainda há vida. Não deixar o orgulho, ressentimento e crises familiares impedirem de fazer isso é o mais importante. Um dia seus pais e seus irmãos não estarão mais lá e o arrependimento vai lhe acompanhar pelo resto da vida."

O livro é muito bonito, ele fala sobre relacionamentos com uma sabedoria gigantesca. Também fala sobre fé, amor, bondade e caráter. Glaucia deixa claro que o amor não é imune a problemas, tristezas ou dificuldades, mas que é capaz de superar todas elas. Não é um conto de fadas, é uma história bem real. O amor deles passou por todo tipo de dificuldade que a vida poderia trazer, mas resistiu. É difícil encontrar uma história assim nos tempo de hoje, quando relacionamentos são vistos como coisas tão descartáveis. #Recomendadíssimo.