Sábias Palavras #2 Eclesiastes

Eclesiastes. Autor: Salomão. Capítulos: 12. 21° da Bíblia. Livro anterior: Provérbios. Livro posterior: Cantares. Significado: Pregador.

"Tudo tem seu tempo determinado, há tempo para todo propósito debaixo do céu." (Ec 3:1) 

Apesar do autor de Eclesiastes não se identificar, acredita-se que tenha sido  o rei Salomão, e, que ele tenha escrito esse livro na sua velhice. Ed René Kivitz, lançou um livro pela Editora Mundo Cristão chamado "O livro mais mal-humorado da Bíblia" onde faz uma releitura sobre o livro de Eclesiastes, e concordo com René, o livro de Eclesiastes é bastante mal humorado e talvez ate um pouco rabugento. Mas ao mesmo tempo muito sábio e reflexivo.

"Deus marcou o tempo certo para cada coisa. Ele nos deu o desejo de entender as coisas que já aconteceram e as que ainda vão acontecer, porém não nos deixa compreender completamente tudo o que ele faz." (Ec 3:11)


Salomão era um homem muito sábio, dono de muitas riquezas, foi o rei que mais conquistou terras através da diplomacia, teve muitas mulheres(700 esposas e 300 concubinas), muitas pertencentes a outros povos. Mas a bíblia diz que essas mulheres o corromperam e no final de sua vida, ele passou a adorar os deuses delas.(I Reis 11:1-11). Há quem diga que Salomão se voltou para Deus no fim de sua vida e foi assim que escreveu o livro de Eclesiastes, mas não há como confirmar isso.. 

O livro de Eclesiastes traz muitos conselhos a respeito da vida, o autor fala sobre o tempo, trabalho, riqueza, conduta, caráter, sabedoria, Deus, futuro, morte, etc. Apesar de ter sido escrito há muito anos atrás, ele é um livro que continua sendo muito atual. Tenho certeza que se identificará com alguma coisa ao lê-lo, seja com os questionamentos do rei, ou com as situações que ele expõe. O sábio diz que vivemos em um mundo de ilusões e tudo o que fazemos é correr atras do vento, muitas vezes nos cansamos e desgastamos tanto, nos preocupando com coisas que são passageiras e no fim não adiantou de nada, porque tudo irá ficar aqui, e, algumas vezes, quem vê o fruto do nosso esforço serão pessoas que não lutaram por ele e nem o merecem. Isso é bem fácil de ver na nossa realidade, pois vivemos em um mundo onde se prega o consumismo desenfreado e o status, as pessoas querem ter mais, comprar mais, muitas vezes, sem nem ter condições e então elas trabalham tanto para comprar coisas que nem mesmo terão como usufruir. 

"Tudo o que aprendi se resume nisto: Deus nos fez simples e direitos, mas nós complicamos tudo."  (Ec 7:29)

Ele ainda fala sobre a graça comum, pois tanto os bons quanto os maus, passam por problemas, ganham dinheiro, vivem, se divertem e no fim o destino de todos é a morte. Mas, apesar disso, ele reconhece o valor de se ter um bom caráter, um nome limpo e de dormir com a consciência tranquila. Ele ainda fala que devemos aproveitar a vida porque ela é curta e a nossa recompensa é saber usufruir bem do nosso salário. Vivemos em um mundo injusto e corrupto, mas a nossa esperança deve estar em Deus, a quem devemos temer, mesmo não entendendo tudo o que Ele faz.

" Descobri que na vida existe mais uma coisa que não vale a pena: é o homem viver sozinho, sem amigos, sem filhos, sem irmãos, sempre trabalhando e nunca satisfeito com a riqueza que tem. Para que é que ele trabalha tanto, deixando de aproveitar as coisas boas da vida? Isso também é ilusão, é uma triste maneira de viver.".(Ec 4:7-8)

Ele fala sobre tantas coisas, questiona tantas coisas, que em alguns momentos até me surpreendi em ver algumas coisas bem parecidas com minhas próprias perguntas a respeito da vida e de todo o resto. Procure ler o livro com atenção, recomendo que utilize a Nova Tradução na Linguagem de Hoje, você certamente se surpreenderá com a qualidade e atualidade do texto. Muitos dos conselhos que estão lá, podem e devem ser aplicados na nossa vida. ;)

"De tudo o que foi dito, a conclusão é esta: tema a Deus e obedeça aos seus mandamentos porque foi para isso que fomos criados. Nós teremos de prestar contas a Deus de tudo o que fizermos e até daquilo que fizermos em segredo, seja o bem ou o mal." (Ec 12:13-14)