Livros *----* Você me Pertence

Você me Pertence. Autora: Mary Higgins Clark. Editora: Rocco. Páginas: 284.

Esse foi um dos livros que comprei por R$3,00 no Projeto Mais Leitura. Não gostei muito da capa dele, ela me passa uma imagem de "livro velho". Não que livros antigos sejam ruins, mas não sei... essa capa em especial não me atrai. Mas, se eu o tivesse julgado apenas por ela,  teria perdido uma ótima leitura.Então, para quebrar, mais uma vez, qualquer preconceito com o Projeto, digo que adorei esse livro. Sério mesmo.

Susan é uma psicologa, que trabalhou algum tempo como promotora, mas deixou a advocacia para abrir uma clínica de psicologia, além de dirigir o programa de rádio "Pergunte a Dra. Susan". Em um de seus programas, ela resolver abordar o tema "mulheres desaparecidas", relembrando do caso de Regina Clausen, uma respeitada consultora financeira desaparecida a três anos. Mas o que ela não esperava era que o responsável por isso, um assassino em série, também poderia estar ouvindo e não está nem um pouco disposto a deixar que alguém descubra seus segredos.

Susan começa a juntar várias peças do crime, com a ajuda de ouvintes que telefonam para o rádio e de suas próprias investigações. Então, ela percebe que pode estar em perigo quando nota fatalidades estranhas acontecendo com as pessoas que a contataram. E, ela ainda precisa enfrentar as dificuldades familiares do divórcio dos pais e o ciúme da irmã mais velha, além de tentar engrenar sua própria vida sentimental.

"-Carolyn, esse anel poderia ter sido a causa de sua morte- declarou Pamela. -Ainda pode ser. Seja quem for que o tenha dado, queria fazer mal a você- Então, como se o anel tivesse queimando sua mão, ela o deixou cair na mesa de centro da sala."
     
 O livro é simples, mas ele conseguiu me deixar ansiosa pelo final. Mary me deixou matutando junto com a Susan atrás do assassino. Ela coloca dúvida sobre diversos personagens, e apesar de você saber que o vilão não poder ser uma determinada pessoa, você não deixa de pensar e cogitar a possibilidade. 
     
logoblog