Livros *----* Morte Súbita

Título: Morte Súbita. 
Autora: J.K.Rowling. 
Editora: Nova Fronteira. 
Páginas: 501.
Avaliação: 4/5

A história se passa na pequena cidade de Pagford, Barry Fairbrother o presidente do conselho, morre no dia de seu aniversário de casamento devido a um aneurisma, deixando quatro filhos, uma vaga aberta, e uma grande dúvida quando ao destino de Fields, a pequena "favela" de Pagford. Pois, Barry era um dos poucos que defendia essa parte da cidade, assim como a clinica de reabilitação. Cria-se então uma acirrada competição a respeito da vaga no conselho.

Vemos um pouco sobre a vida de cada pessoa que vivia ao redor de Barry, direta ou indiretamente e uma forte característica dos personagens desse livro, é que eles são muito humanos. J. K. mostrou claramente as problemas de relacionamento que enfrentamos no dia-a-dia, a personalidade de personagens são muito reais e bem escritas, sejam eles bons ou ruins; e mesmo os bons, também podem ter pensamentos ruins. Muitas pessoas encontraram dificuldade para se afeiçoar a algum personagem, exatamente por isso.

Eu não achei que a morte de Barry fosse uma grande fator para mover a história toda, até porque o fim do livro, não foi exatamente um fim, tivemos o vencedor das eleições, que acredito que foi até uma boa escolha, eu teria votado nele, acho que era a melhor opção... Mas não se sabe exatamente qual será o fim de Fields. E, por fim o a autora cometeu um assassinato que achei meio desnecessário... foi uma morte entendível, comum numa situação assim, mas, poxa... revoltada =/ Porém, a história de Pagford não acabou, ela vai continuar, superando as perdas mais uma vez e seguindo a vida.

" -Ah, então você acha que eles devem assumir a responsabilidade pelo próprio vicio e mudar o seu comportamento, é isso?- perguntou Parminder.
-De forma simplificada, sim.
-Antes que gastem mais dinheiro do governo.
-Exata...
-E você? -perguntou Parminder bem alto, enquanto a explosão silenciosa começava a tomar conta dela. -Sabe quantos milhões de liras você, Howard Mollinson, custa ao serviço de saúde, por causa de sua incapacidade de parar de se empanturrar?"

Confesso que esse não se tornou um livro favorito, mas foi um bom livro, não tem nada a ver com HP #fato. Definitivamente é um livro adulto. É até um pouco lento no inicio, mas depois eu me envolvi com a história, principalmente quando o fantasma de Barry Fairbrother começa a atacar colocando os podres do passado das pessoas no site do conselho da cidade. #tenso. Recomendo a leitura, mas é um livro que não vai agradar a todos, ele tem que ser lido com maturidade. #FicaaDica ;)
logoblog