Livros *----* Wake


Wake. Autora: Lisa McMann. Editora: Novo Século. Páginas: 205.
Comprei a trilogia numa promoção da Saraiva, que estava vendendo o box completo por R$40,00. Uma amiga minha já tinha lido e me contado a história do livro, então eu mais ou menos já sabia o que ia acontecer e também tenho me interessado bastante por essas coisas de sonhos depois de ler "O Sonho de Eva", então quando vi a promo simplesmente não deu pra resistir.

O livro conta a vida de Janie Hannagan, uma adolescente que é sugada para dentro dos sonhos das outras pessoas desde quando tinha oito anos de idade. O que numa primeira analise pode parecer divertido, é a sua maldição. Ela não pode estar no mesmo ambiente em que alguma outra pessoa está dormindo que logo perde os sentidos e é levada para dentro de seus sonhos independente do que estivesse fazendo. E isso já lhe rendeu vários problemas e acidentes. 
       
Janie teve que aprender a se virar sozinha desde cedo, sem pai e com uma mãe alcoólatra, com 14 anos ela começou trabalhar para sustentar a casa e guardar o dinheiro pra ir pra faculdade. "No entanto, quanto mais velha, com mais frequência seus colegas de classe dormem. E quanto crianças dormem mais problemas trazem para Janie." Então, ela precisa descobrir logo como resolver seu "pequeno problema de sono".. ou sonhos.. 

E, ainda tem Cabel, um garoto solitário que mexe com Janie e também parece ter alguns problemas e segredos.  O Cabel é um grande mistério, as vezes parece que se importa com ela, outras vezes parece ser indiferente e grosso. A questão é que grandes segredos geralmente são guardados com grandes mentiras...

"Mas Janie o vê, o beija, nos sonhos que ele tem na biblioteca.
Ela também o vê, um maníaco feroz. Um lunático, com uma cicatriz na cara, com facas no lugar dos dedos, que esfaqueia, fatia e corta a cabeça, repetidas vezes, de um homem de meia idade, vezes sem fim.
Ela sente apenas alivio por ele não matar mais niguém.
Pelo menos não ainda.
Nem ela, até agora.
E toda vez que ele sonha com isso, toca o sinal antes que Janie descubra como ajudá-lo. Ajudá-lo a fazer o quê, como?
Não faz ideia. Não tem poder algum. Por que todas essas pessoas pedem ajuda a ela? Se não consegue ajudar.
Apenas.
Não pode.
Ajudar.
Com certeza, não consegue fazer muita coisa na sala de estudos no momento."

O enredo do livro é bem interessante, nunca tinha lido nada parecido com esse "poder", não é simplesmente como ler pensamentos, porque os sonhos são como medos e desejos que temos e que algumas vezes não conseguimos externa-los ou nem admiti-los. Mas, fiquei com um gostinho de quero mais, como se a história tivesse passado rápido demais e que poderia ter mais páginas. No inicio do livro, a Lisa salta bastante com a história para que possa chegar até o presente que está sendo trabalhado de forma que possamos entender um pouco do passado da Janie e te deixa com uma sensação de como se você estivesse perdendo algo, que não foi contado.. Até a questão de sonhos lúcidos, achei que ela poderia ter falado mais deles tbm... Mas é completamente perturbador o modo como ela entra nos sonhos e pesadelos das pessoas sem ter nenhum controle sobre sobre isso e fica presa dentro deles sem saber o que fazer enquanto as pessoas lhe pedem ajuda, até que ela descubra o que precisa fazer; e, o modo como seu corpo reage enquanto ela está "fora de si". É uma leitura rápida e daquelas que te deixa querendo ler desesperadamente ;) #FicaaDica


          Veja também os outros livros da Trilogia: Fade e Gone